A marca American Girl se destaca por sem uma marca inclusiva, preocupada com o fato de suas campanhas sempre deixarem meninas de todas as condições participarem, principalmente enfatizando a exibição de imagens de meninas com deficiência.

Em seu catálogo de fim de ano, a América Girs resolveu convidar a pequena Ivy Kimble, portadora da síndrome de Down para aparecer em suas imagens.

Essa foi a primeira vez que uma garota com síndrome de down posou para a revista. A marca era de brinquedo tem como ideia mostrar a diversidade quando se trata de suas bonecas, e fez isso com as suas modelos, inclusive, a garotinha de 4 anos apareceu nas imagens segurando uma boneca que também tem a síndrome de Down.

A mãe de Ivy, Kristin Kimble, contou que a menina e suas três irmãs foram a uma chamada de elenco, em Chicago, na qual Ivy foi selecionada. Na sessão de fotos, a menina estava “conversando com todo mundo” no trailer de cabelos e maquiagem. Meses depois das filmagens, Kristin foi avisada de que as fotos de sua filha haviam sido selecionadas.

A mãe da garotinha, é claro, que ficou muito feliz em ver a filha aparecer em um catálogo. Ela agradeceu a marca pela oportunidade concedida a sua filha e ainda pediu mais oportunidades para outras crianças, que sofrem com a deficiência, também poderem mostrar o seu talento.

A síndrome de Down é causada pela presença de três cromossomos 21 em todas ou na maior parte das células de um indivíduo. Isso ocorre na hora da concepção de uma criança. As pessoas com síndrome de Down, ou trissomia do cromossomo 21, têm 47 cromossomos em suas células em vez de 46, como a maior parte da população. Até hoje, ainda não se sabe ao certo o porquê que isso acontece.

As crianças, os jovens e os adultos com síndrome de Down podem ter algumas características semelhantes e estar sujeitos a uma maior incidência de doenças, mas apresentam personalidades e características diferentes e únicas.

O diagnóstico da síndrome de Down acontece durante a gestação por meio da ultrassom morfológica fetal. O exame é realizado entre 11 e 15 semanas, para avaliar a translucência nucal, podendo surgir à presença da síndrome. Para ter a confirmação é preciso fazer o exame de amniocentese e amostras das vilosidades coriônicas.

As crianças que nascem com a síndrome de Down precisão receber muito carinho e cuidado dos pais. Também desde pequeno é preciso que os pais estimulem seus filhos para que eles sejam capazes de vencer qualquer tipo de limitações.

É preciso habilitar as crianças para que possam ter um bom convívio e participar do mundo social. A marca American Girl tem ganhado destaque por serem inclusivos, dessa vez, eles resolveram fazer campanhas com garotas de todos os tipos de condições genéticas.

A inclusão precisa ser mais trabalhada em nossa sociedade. As pessoas precisam enxergar todos como semelhantes, e aqueles que possuem algum tipo de “diferença” precisam se enxergar representados e valorizados, isso é fundamental para que possamos construir uma sociedade mais justa e saudável para todos.

Confira o vídeo (em inglês) de uma entrevista de Ivy e sua mãe a um programa norte-americano:

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Insira seu nome aqui